Mosteiro da Santa Cruz

Mosteiro beneditino tradicional em Nova Friburgo/RJ

VOZ DE FÁTIMA, VOZ DE DEUS Nº 40

25 de novembro de 2017

Vox túrturis audita est in terra nostra”

(Cant. II, 12)

Deus nos criou para a beatitude, a qual consiste na visão intuitiva da essência divina.

Para que nossa inteligência possa ver a Deus face a face, é necessário que Deus a eleve pela luz de glória. Essa luz será mais ou menos intensa conforme o grau, maior ou menor, da caridade de cada um dos bem-aventurados.

É a caridade que distinguirá os eleitos, pois quanto maior é a caridade, maior é o desejo, e é da veemência do desejo que vem a aptidão a receber o que se deseja. (Cf. Suma Teol. I, q. XII, a. 6)

Na cruz, Nosso Senhor exclamou com veemente desejo: “Tenho sede”. Na missa, o sacerdote nos exorta: “Elevai vossos corações” (1), ou seja, “elevai vosso desejo”, em união com o de Nosso Senhor, que desejou por nós e que nos comunica a veemência de seu desejo de nos dar esta vida divina que é a graça e a beatitude.

Que cada missa aumente em nós este desejo sem o qual ninguém entra no Céu, pois para ver a Deus face a face é necessário desejá-lo ardentemente. As almas do Purgatório são purificadas pelo fogo, e no fogo seu desejo de Deus as torna dignas de vê-lo. Ali se aprende a desejar o que não se desejou suficientemente na terra.

Rezemos por elas e por nós, que desejamos tão pouco o que tanto desejou Nosso Senhor por nós e para nós.

+ Tomás de Aquino OSB

  1. Sursum Corda.

U.I.O.G.D

FátimaTextos

admin • 25 de novembro de 2017


Previous Post

Next Post

Translate »